21 de fev de 2014

Decretado estado de emergência em Imperatriz


O prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira (PSDB), encaminhou na tarde de ontem ao governo Estadual, decreto de estado de emergência no município por conta das fortes chuvas das últimas semanas. 

Até o momento, cerca de 40 mil pessoas já foram atingidas pelas enchentes. Ele, que vinha relutando para não decretar a anormalidade do caso, após conversar com sua equipe técnica decidiu: “Estamos concentrando todos os esforços do Município nesse trabalho, mas o fenômeno natural tem se mostrado cada vez mais imponente. O problema não são só as chuvas que têm caído em Imperatriz, mas em toda a região, derramando um volume de água acima do esperado nas cabeceiras dos riachos”, relata o prefeito ao enfatizar que antes da publicação do Decreto, todas as providências legais foram tomadas. 

Conforme os órgãos de proteção, o Decreto oficial serve de “reconhecimento legal pelo poder público de situação de alteração intensa e grave das condições de normalidade em um determinado município, estado ou região, decretada em razão de desastre, comprometendo parcialmente sua capacidade de resposta”. No caso de Imperatriz, mais de 40 mil pessoas foram atingidas pela enchente; cabeceiras de pontes, bueiros e ruas foram arrastados pela força das águas nos últimos dias. 

O Superintendente Municipal da Defesa Civil, Francisco das Chagas Silva, chama a atenção para a ocorrência de novas pancadas de chuva acima de 100 milímetros nos próximos dias. “Todas as previsões do tempo anunciadas relatam a continuidade das chuvas em toda a região. Além disso, o nível do Rio Tocantins também começa a registrar alterações, por isso estamos trabalhando em regime de atenção total”. 

Fonte: Ascom

0 comentários:

Postar um comentário

Leu? Gostou? Então Comenta!

Copyright © 2014 Agora Binhí!