30 de out de 2014

Picadinho à Von Richthofen

Desde 2002 quando fora condenada pela morte dos pais, a mocinha de família, cara de anjo e acima de qualquer suspeita, Suzane Von Richthofen (30) tem brindado a imprensa nacional e até a internacional com muitas pautas. Algumas bastante quentes, como a ultima: Suzane se uniu em setembro com Sandra Regina Gomes, condenada a 27 anos de prisão pelo sequestro de uma empresária em São Paulo. Sandra é ex-namorada de Elise Matsunaga, presa por matar e esquartejar o marido Marcos Matsunaga, em 2012. 


Recém-intitulada de pastora na penitenciária Santa Maria Eufrásia Pelletier, em Tremembé (SP), Suzanne foi expulsa da ‘ala gospel’ do presídio após a união homoafetiva.  Por lá ainda permanece a também pastora, Carolina Jatobá, aquela mesma, que jogou uma criança de cinco anos de cima de um prédio com a ajuda do pai da garotinha. Os crentes são bem complacentes com assassinos cruéis, agora, viadagem não! Aí já é molecagem!

Pessoas ligadas a Elize e Sandra disseram que as duas estavam juntas desde o início do ano e que o relacionamento acabou por causa de Suzane. As três trabalhavam na fábrica de uniformes da prisão, onde Suzane é chefe. O triângulo amoroso acabou rompendo a amizade entre elas. 


Cá para nós, não dá pra acreditar em nada que venha de Suzanne. Sua inconstância soa sempre com oportunismo, e dessa vez, ela parece alheia ao risco que corre. Roubar a mulher de Elisa Matsunaga é mesmo um ato de extrema coragem. Acho que em breve o restaurante do presídio pode apresentar uma nova iguaria da culinária in cárcere: Picadinho à Von Richthofen.

0 comentários:

Postar um comentário

Leu? Gostou? Então Comenta!

Copyright © 2014 Agora Binhí!